terça-feira, 18 de Novembro de 2008

Lidar com crianças.

O contacto com crianças é sempre fantástico: ir à escola e conversar com eles, com idades entre os 6 e os 10 anos, é uma experiência gratificante.
São honestos, espontâneos e muito pouco preocupados com as etiquetas dos adultos.
Concluí que há um grande trabalho a fazer com eles para a mensagem chegar aos pais.


Foi fácil perceber que as crianças com mais dificuldades financeiras são aquelas que têm uma melhor alimentação: os pais não têm dinheiro, "felizmente", para levá-los com frequência aos estabelecimentos de "comida rápida" e como tal, têm de cozinhar diariamente.

quarta-feira, 15 de Outubro de 2008

Próximo destino: Macau

Sair do país para representar a nossa gastronomia lá fora é um prazer enorme para mim e para a minha equipa.

Brasil, Macau, França, Espanha e outros são os destinos mais visitados por nós.

Um dos destinos que vamos repetir será Macau.

Pois é, em Novembro iremos mostrar a nossa filosofia gastronómica nesta ex-colónia portuguesa.

Um evento que contará com a presença de muitos chefes internacionais conceituados representantes de vários Restaurantes e Hoteis de renome.

Quando regressarmos contaremos tudo, “tim-tim por tim-tim”.

segunda-feira, 2 de Junho de 2008

Experiências e programas de televisão

Venho colocar aqui uma resposta ao comentário de Teresa Freitas, que o dia 30 de Maio questionou-me sobre experiências e novos programas de televisão.


A última experiência que tive e que tenho em memória foi aquela que se encontra descrita na pagina inicial do site…

Fui convidado para fazer um festival gastronómico em Belo Horizonte com várias intervenções e jantares mas uma das intervenções que mais me tocou foi a refeição que fizemos no restaurante popular. Este restaurante tem um carácter de apoio social onde uma refeição pode custar no máximo 2 Reais, um dos quais é pago pela prefeitura e outro pelo utente.
Uma forma simpática de conseguir dar de comer a tanta gente carenciada.
Servem em média 12000 refeições/dia.

Pensei no que devia levar e achei que a “nossa” sopa da pedra era o mais indicado, levei a história e a receita, a formação foi dada para o pessoal que trabalha no local e foi muito divertido porque no final acabei por ser eu a servir a sopa e toda a gente ficou espantada com a simplicidade da comida!! Até bem próxima dos paladares locais.

Diverti-me muito, com a conhecida boa-disposição brasileira.
Podem ver tudo no aqui.

E como acabei de aprender colocar aqui vídeos:



Quanto a programas de televisão, estamos neste momento a fazer esforços nesse sentido, se bem que ainda sem qualquer informação que possa divulgar (ainda). Espero que seja para breve!


Sobre o novo site e a "vida de chefe"

Tenho recebido elogios de todos os quadrantes relativamente a mudança de imagem.
Eu e a minha equipe agradecemos as palavras que nos obrigam a melhorar cada dia. Obrigado a todos!
Gostei particularmente de um email que me chegou, e que, com o devido conhecimento, passo de seguida a reproduzir:

"Bom dia!
Parabéns para o vosso novo web site & blog, está muito giro.

Obrigado por, no meio de uma vida de grande azáfama, utilizarem um pouco do vosso precioso tempo na comunicação com a comunidade que segue atentamente o vosso percurso.

Ser um Chef(e) , para mim, é ser sobretudo um líder. Um líder não é quem está sentado na cadeira mais alta. É sim quem tem a inteligência de saber comandar/liderar pessoas, tendo em conta que não são máquinas, mas gente. Ir ao encontro do que move cada um, motivá-los num objectivo (comum) onde se permitem novas experiências, conhecimentos, ou seja conduzir um grupo de pessoas num percurso interessante e sairem todos vencedores.
Ter para dar... experiência de vida e conhecimentos técnicos e ainda continuar a sua própria formação, a sua aprendizagem.
Obviamente "gente" é uma coisa complexa e nem sempre isto é possível...

Ao Chef e a toda a sua equipa que os vossos desejos se concretizem e tenham poucos entraves!

Beijinhos
Ana Paula"

Inspiradoras palavras...
Obrigado!

quinta-feira, 29 de Maio de 2008

Afinal, o que é um chefe (de cozinha)?

Para uma definição, fui ao Wikipedia, e encontrei isto:
"O Chefe (do latim caput ou que encabeça, que está à frente) designa uma pessoa que comanda seja um grupo, uma comunidade, uma liderança.

Neste caso, o Chef de Cozinha, é aquele que elabora os pratos, o cardápio e organiza toda a cozinha do restaurante." Interessante... :)

Uma vida

Talvez não sendo uma "vida de chefe", a vida de chefe de cozinha, permitiu-me explorar os sentidos, descobrir novos sabores, experimentar muito e viver lugares e pessoas que tal vez de outra forma não me seria dado viver.
Sem pretensões literárias, este blog, apenas pretende ser um espelho do dia a dia, deste viver, uma reflexo do eu, de uma vida.